Tudo Para Todos

"Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns." I Coríntios 9.22

Estava pensando sobre esse texto essa semana e refletindo sobre o nosso comportamento diante das pessoas do mundo. Será que o fato de pertencermos a Deus têm nos aproximado das pessoas ou nos afastado delas. Será que fazemos como Jesus que se aproximou dos pecadores para resgatá-los ou nos afastamos com a desculpa de não se "contaminar"? Será que temos sido verdadeiros discípulos como Paulo que se fez de tudo para todos com o objetivo de alcançar vidas? Ou será que temos medo de nos aproximar das pessoas que estão em pecado porque somos fracos e com certeza vamos cair também em pecado? Será que todas as nossas desculpas justificam nossa fraqueza?

As vezes olho pra mim mesma e vejo tanta religiosidade, tanta hipocrisia e chatice. E não acredito que essas características são capazes de mostrar às pessoas do mundo o Deus que habita em mim. Quando somos crentes chatos e caretas e religiosos deixamos de mostrar ás pessoas o que realmente está em nós. Se queremos alcançar vidas precisamos deixar de lado toda nossa religiosidade. Porque não é a religião que leva pessoas a Deus e sim o amor. Não é essa doutrina cheia de pode e não pode que leva ás pessoas acreditarem em Jesus.

Acredito que cada vez mais nós somos responsáveis por afastar a pessoas de Deus, porque em vez de mostrar o amor de Deus a elas, mostramos toda a nossa religiosidade. Isso não faz sentido porque a religião não salva ninguém e se estamos baseados nela e não na essência que é Jesus, estamos completamente enganados. Essas últimas semanas tenho me colocado diante de Deus e pedido que Ele tire de mim toda religiosidade, tudo aquilo que não vem dEle, porque só assim poderei mostrar ao mundo a verdadeira essência, o verdadeiro evangelho.

Temos que parar de ser chatos e começar a ser mais tolerantes e amáveis assim como Jesus, assim como Paulo. Por exemplo se algum amigo seu te chama pra uma festa, nossa primeira reação é "não posso ir porque minha religião não permite", olha eu odeio essa ideia de que a religião não permite. Afinal quem é essa tal de religião? Se é por causa dela que você obedece a palavra, então você está totalmente enganado. Se é por causa dela que você vai a igreja então você ainda não descobriu a essência. E não tem como você mostrar a essência se você não tem essa essência dentro de você. 

Então em fez de basear sua fraqueza nessa religião cheia de podes e não podes, comece a se fortalecer conhecendo a verdadeira essência. Comece a se fortalecer conhecendo o próprio Deus. Só conseguiremos resistir as tentações se formos fortes. E quando alguém te fazer um convite que não condiz com aquilo que Deus diz, diga que você gostaria de ir, agradeça o convite mas mostre que aquilo não edifica a sua vida. mas não adianta querer evangelizar as pessoas quando elas estão nesse momento passageiro de felicidade. Procure mostrar a elas o amor de Deus, no momento em que elas se sentirem sozinhas. No momento em que o que é passageiro passar.

Mostre o porque você não frequenta determinados lugares, mostre o porque estar com Deus é melhor, mostre a felicidade que não é passageira. Mostre no que você baseia sua fé. Se fortaleça em Deus e diga ao mundo o que Ele tem feito por você. Saia pelo mundo e se faça de tudo pra com todos pra como Jesus e como Paulo você possa alcançar vidas para Deus. Não se deixe dominar por uma religião, mas se firme na essência que é Jesus. Não se esqueça que você só pode mostrar e doar algo que você tem, se você não tem a essência então não pode mostrar nem doá-la.

Que nossos corações estejam firmados na verdeira essência para que sejamos fortes para anunciar a Palavra de Deus a toda criatura.

Boa Semana a Todos
Deus Abençoe
Bjoos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Chega de mornidão!

A Graça é de Graça

Crer sem Ver