Aparências

"Não se tornem motivo de tropeço, nem para judeus, nem para gregos, nem para a igreja de Deus."
1 Coríntios 10:32
"Abstende-vos de toda a aparência do mal." I Tessalonicenses 5.22

Em posts anteriores eu falei sobre decência, e sobre ter o estilo, o caráter de Cristo. Hoje quero falar um pouco sobre a nossa aparência. Há muitos julgamentos sobre como deve ser a aparência física de um cristão, e isso envolve roupa, comportamento, tatoo, piercing, e por ai vai. Sei que esses assuntos são extremamente polêmicos, mas andei estudando algumas coisas e lendo algumas coisas, porém não quero falar do que eu li, ou do que eu penso ser certo, quero falar segundo aquilo que a Bíblia nos orienta.

Eu acho que o principal ponto que devemos abordar não é certo ou errado, se há uma maneira certa ou errada de se vestir, se é certo ou errado fazer uma tatuagem, se é certo ou errado colocar um piercing. Até porque a Bíblia não fala explicitamente a respeito disso. Mas o ponto principal aqui é até onde podemos considerar que estamos debaixo da vontade de Deus e até onde estamos escravos de nossa própria vontade.

Normalmente quando escolhemos uma roupa, ou quando escolhemos fazer alguma coisa com o nosso corpo, fazemos aquilo que mais nos agrada, compramos aquilo que mais nos atrai. Mas será que subjugamos nossas vontades à vontade de Deus. Será que quando escolhemos isso ou aquilo não estamos noa assemelhando a aparência deste mundo? Será que que quando decidimos a respeito de uma tatuagem ou um piercing não estamos sendo motivo de tropeço para outros irmãos na fé?

Meu objetivo com essa conversa toda é fazer com que pensemos a respeito daquilo que decidimos com relação à nossa aparência, até porque eu não sou ninguém e não tenho nenhuma autoridade para dizer isso é certo ou isso é errado. A Bíblia nos ensina que não podemos ser pedra de tropeço na vida dos outros, a fugir da aparência do mal e que é melhor arrancar uma mão para se santificar do que levar seu corpo todo ao inferno por isso (Mt 5. 29 e 30). 

Portanto quer seja uma tatuagem , uma roupa, ou um piercing, deve-se sempre levar em conta qual é o seu objetivo em escolher isso. Deve-se levar em conta a opinião de Deus a respeito disso, é preciso pensar se isso vai glorificar e engrandecer o nome de Deus. É preciso pensar se isso não vai causar o tropeço de alguém. Muitas vezes por sermos jovens ou nem isso, por simplesmente sermos negligentes, dizemos que ninguém tem nada a ver com a minha vida ou com o que eu visto ou uso. E eu também acho que há um pouco de razão nisso. Mas se você não se importa com o que os outros pensam, pelo menos se importe com aquilo que Deus pensa a respeito de você.

E se diante de tudo você ver uma boa razão e gloria ao nome de Deus naquilo que você vai vestir ou usar, que seja assim. E que possamos a prender que aparência não define exatamente quem somos, nem a nossa espiritualidade. Sei que é possível ver muita gente tatuada e cheia de piercing que é mais fiel a Deus do que muita gente vestida de crentinho. Então não julguem sem saber ou conhecer. e não façam nada que cause escândalo ao corpo de Cristo.

Leve sempre em consideração a vontade de Deus em sua vida. Leve em consideração a opinião de Deus diante das coisas que você faz e o mais importante subjugue a sua vontade à vontade de Deus. Escolha ser servo do Altíssimo não da sua vontade carnal.

Bjoo
Boa semana a todos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Deus Espírito Santo

Armadura de Deus: Capacete da Salvação

Armadura de Deus: Escudo da Fé