O Cristão e a Festa Junina

Depois do Carnaval, o evento mais esperado do calendário brasileiro são as festas Juninas, Festas Caipiras, de São João, Santo Antônio, Julinas e Quermesses, que animam todo o mês de junho e julho com música caipira, quadrilhas, comidas e bebidas típicas em homenagem a santos católicos: Santo Antônio, São João, São Sebastião e São Pedro. Essas festas  fazem parte das manifestações populares mais praticadas no Brasil.

Como já disse em outros posts gosto de assuntos polêmicos e por causa dessa minha vontade de escrever sobre coisas desse tipo decidi escrever hoje sobre o porque cristãos devem participar ou não dessa celebração.

Muitas pessoas que conheço frequentadores de igreja e cristãos participam de festas assim e não veem problema algum de irem a lugares como este: pularem fogueira, dançarem quadrilha, tomarem um quentão e afins;

Mais a pergunta de hoje é: por que não participar desse momento? Se fossemos pensar na essência dessas festas eu diria: Idolatria aos santos (São Sebastião, Santo Antônio, São Pedro, entre outros) e Misticismo por causa do folclore, sem dúvida.

A origem destas festas veio da Europa e faz parte da antiga tradição pagã de celebrar o solstício de verão (a chegada do sol em seu maior momento de latitude). Na Idade Média tornaram-se, um atributo da festa de São João Batista celebrada no dia 24 de junho, Os outros dois santos populares celebrados nesta mesma época são São Pedro e São Paulo (no dia 29) e Santo Antônio (no dia 13).

Dificilmente encontramos hoje festas juninas, julinas... que cultuem os santos (a não ser em igrejas católicas ou no Nordeste) a maioria das festas feitas são celebrações ligadas a escolas, famílias e amigos que muitas vezes nem sabem o porque fazem essa festa.

A alguns cristãos quando questionados do porque não participam destas festas acabam por não saberem o que dizer dando desculpas vazias e sem fundamento tipo: “ a minha religião não permite” , “meu pastor não deixa”,  “Jesus não gosta” onde jogam para as instituições religiosas ou seus lideres espirituais toda a responsabilidade de dizerem o que "devem ou não fazer", ou onde "devem ou não ir".

Esse tipo de atitude não está certa! Deus nos deu a permissão e a liberdade de dizer sim ou não para qualquer coisa. Ele nos concedeu a liberdade por intermédio de Jesus Cristo para que pudéssemos agir com sabedoria e prudência para negar qualquer coisa que desagradasse a Deus e não porque o pastor mandou fazer isso ou aquilo.

Se ainda não sabemos algo devemos buscar o auxilio da Bíblia para entender, devemos orar e ouvir a voz de Deus. Buscar até mesmo algum líder espiritual e algum conselheiro que seja capaz de te ajudar.

Para muitos cristãos como disse antes participar dessas festas talvez não tenha nenhum mal. Procurando algumas coisas na Bíblia você vai ver que não há nenhum posicionamento a respeito. Porém Paulo, em 1 Coríntios 10.11 diz que as coisas que nos foram escritas no passado foram escritas para advertência nossa. “Ora, tudo isto lhes sobreveio como figuras, e estão escritas para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos séculos”.
Como crentes, devemos adorar somente a Deus: “Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás” (Mt 4.10). Assim, nossos lábios devem louvar tão-somente o Senhor Deus: “Portanto, ofereçamos sempre por meio dele a Deus sacrifício de louvor, que o fruto dos lábios que confessam o seu nome” (Hb 13.15).

Sabe o porque não devemos participar das festas? “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem,” (1 Tm. 2:5). Em toda a Bíblia não se encontra nenhum incentivo para fazermos nossos pedidos, promessas e votos a outros santos.

Nestas festas ocorrem rezas, canções e missas; as comidas e doces são oferecidos a estes santos claro que os que comem não são os santos, mas os que participam dela. A maioria das festas juninas têm um caráter religioso que desagrada a Deus por mais que muitas delas não tenham um culto explicito a um santo por terem perdido a tradição, nós como cristãos não devemos participar dessa "comemoração" para não desagradarmos a Deus. Pode ser bom, pode ser legal e até mesmo agradável a nossos olhos mais não se esqueça de que nosso objetivo é Agradar, Adorar e Glorificar a Deus. Portanto não participe dessas comemorações pagãs, evite desagradar a Deus!
Leia e Pratique:
- "Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados;
E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave.
Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos;
Nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas antes, ações de graças.
Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. " (Efésios 5:1-5)

- " Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus." (1 Coríntios 10:31)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Deus Espírito Santo

Armadura de Deus: Capacete da Salvação

Armadura de Deus: Escudo da Fé