E quando o assunto é: Ministério?

" E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores, Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo; Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo." (Efésios 4:11-13) 

Você em alguma situação já deve ter feito a seguintes perguntas: Será que estou no mistério certo? ou Qual será o meu ministério? Às vezes ficamos preocupados com o nosso “chamado ministerial” e assim nos enchemos de questionamentos: Para quê que eu fui chamado? Qual é o meu chamado?

Já aprendemos aqui no blog que podemos exercer diversas funções no Corpo de Cristo, porém para isso precisamos antes entender qual o nosso “lugar” e nossa “função“ a ser exercida, pois uns foram chamados para serem pastores, outros missionários, outros cantores, ministros, professores, intercessores, músicos, líderes entre outras funções necessárias no corpo. Mais antes de tudo vale lembrar que todos nós temos um “chamado” especifico: fomos convocados para seremos filhos de Deus, para expressarmos Jesus aqui Terra através de nosso ministério.

Infelizmente eu não conseguirei responder todos os questionamentos e dúvidas referentes a ministério, mais à medida que juntos conhecermos mais sobre o que as escrituras dizem desse assunto e entendermos alguns detalhes, Deus te direcionará para o um caminho especifico e você sozinho compreenderá.

Já definimos em outras postagens que a palavra Ministério significa Serviço – Serviço ao Corpo de Cristo e/ou ao reino de Deus. Certa vez ouvi alguém dizer: “Quem não Serve em seu ministério não serve para ele”... Achei essa frase ótima para definir o sentido real de uma vida de ministério.

O objetivo verdadeiro do ministério antes de tudo é servir a Cristo, glorificando – O e servindo a todos que direta ou indiretamente que estão envolvidos em seu ministério (essas pessoas são bem especificas, pois dependem de seu ministério – se você é um pastor seu público são as pessoas do Bairro, membros da igreja, alguma outra congregação... Se você é um missionário entre índios seu público especifico se torna índios da comunidade que você está inserido. )

Todos nós fomos chamados para um ministério e para um serviço no corpo de Cristo. Basta identificarmos qual é nossa função dentro dele. Deus antes do nosso nascimento já nos deu um chamado ministerial e nos deu dons e talentos para atuarmos em sua obra. Descobrir nosso ministério pode parecer difícil mais quando Deus está a frente dessa decisão ela será vitoriosa e certeira!

Não há uma regra para definirmos nosso ministério, Deus é tão Bom e tão Maravilhoso que Ele nos faz com personalidades distintas, gostos diferentes, talentos diversos e isso pode nos ajudar na escolha do nosso ministério. Sem contar que Ele separar ministérios específicos para as pessoas, levando em consideração que uma pessoa pode ter quatro ministérios ou apenas um, tudo dependerá do propósito de Deus para a vida dela. Como eu disse não é uma regra para o tipo de ministério e nem para a quantidade dele.

A grande dificuldade hoje de algumas pessoas é que elas querem escolher um ministério e uma função na igreja esquecendo que Deus que escolhe pessoas para atuar nos ministérios. Geralmente escolhem funções por credibilidade, status, facilidade ou porque seus amigos e familiares estão envolvidos deixando os “piores ou mais trabalhosos” serviços de lado. Por isso muitas vezes no decorrer do caminho a pessoa se sente frustrada, incapacitada e cansada ou até mesmo acaba deixando o ministério, pois não foi Deus quem colocou ela lá.

Um ministério bem sucedido é aquele que expressa Cristo e para expressar a Cristo você deve diariamente viver para Ele.

Lembre-se:


- Esteja diante do Senhor, entregue seus planos e sonhos nas mãos Dele. Ele sabe o que é melhor para você em seu ministério. Se você quer ser um pastor, missionário, ministro, cantor: ORE. Se Deus tem te chamado para isso Ele no tempo Dele te colocará neste lugar.

- Se você ainda tem dúvidas a respeito de seu ministério e de sua função na igreja e no corpo faça uma lista daquilo que gosta, de seus talentos e habilidades. Peça ajuda de alguém que te conheça bem.

- Avalie-se será que você está no ministério porque Deus te chamou e te colocou lá? Faça uma lista com os pontos positivos e negativos desse ministério, veja se você tem agido segundo a vontade de Deus.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Chega de mornidão!

A Graça é de Graça

Crer sem Ver